E agora? Gameworks funciona...

Esssa semana tem sido interessante, não? No dia 01/09, a KONAMI lançou o game mais esperado do ano: Metal Gear Solid V; Hoje, a Warner lançou enfim o update de Batman Arkham Knight. O que isso tem de comum? Gameworks.

O Gameworks é uma ferramenta, parecida com um Middleware que disponibiliza ao desenvolvedor de games recursos como fumaça, cabelo, pelos, fluídos etc. Ocorre que nos últimos lançamentos que tem vindo com a marca "Gameworks" atrelada, costuma-se ver uma má otimização dos jogos, principalmente para donos de AMD.

Entretanto, temos que frisar o seguinte: MGS V, da KONAMI, tem rodado perfeitamente bem no seu Day One, ou seja, no dia do seu lançamento - mesmo com o gameworks ligado. Batman Arkham Knight que recebeu Patch hoje, também. E assim, fica difícil não se perguntar? A NVIDIA está aprendendo com os erros antigos do Gameworks e corrigindo-os agora?! Será que isso causado pela pressão da rival depois do fiasco com Ashes of Singularity?! Ou será que os problemas anteriores sempre foram culpa dos desenvolvedores desleixados mais focados na receita dos games?

Bem, o que dá para dizer é que, nos jogos em que a NVIDIA se pôs a desenvolver, estamos tendo ganhos recentes. A versão final de Far Cry 4 está rodando bem até em AMD. The Witcher III ganhou customização de configurações gráficas até do Hairworks com o Patch 1.08. Batman teve melhoras incríveis de imagem e de performance, graças ao trabalho dos engenheiros da NVIDIA em conjunto com a equipe de desenvolvedores da Rocksteady. Enfim, sendo isso coincidência ou não, por ora a NVIDIA está de parabéns. Conseguir entregar o Batman da forma que estava para a forma que é agora, realmente foi um milagre.

#PC